Total de visualizações de página

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Divagações no vazio

Meu coração se retrái e se entristece,
Saudades da mãe que sempre secou as minhas lágrimas.
Do pai cuja seriedade sempre me fortaleceu,
Do exemplo idôneo da irmã amada,
E dos amigos de todas horas.

Abandonada. Sim, abandonada nesse lugar que odeio.
Sem a compaixão de quem quer que seja,
Lidando com meus medos e doente.

Arrependida da pior decisão que tomei na minha vida, cansada de chorar...

Nenhum comentário: